Corpo achado no Jockey não é de funcionária do MEC, diz delegado

Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) encontrou, na manhã desta segunda-feira (26/08/2019), o corpo de uma mulher perto do Jockey Clube, na região de Vicente Pires. O cadáver, que apresentava sinais de asfixia, foi achado por uma pessoa que passava próximo ao local.

De acordo com a PCDF, a vítima aparenta ter entre 20 e 30 anos e estava nua. Ao lado do corpo, foi encontrada uma saia jeans. A identidade da mulher ainda é desconhecida pela corporação.

O caso é investigado pela 38ª Delegacia de Polícia (Vicente Pires). O delegado-chefe da unidade policial, Rafael Sampaio, descartou que o corpo seja da funcionária terceirizada do Ministério da Educação (MEC) Letícia Sousa Curado, de 26 anos, desaparecida desde sexta-feira (23/08/2019) da região de Planalatina. Na ocasião, ela também vestia saia jeans.

Corpo achado no Jockey não é de funcionária do MEC, diz delegado

Michael Melo/Metrópoles

A vítima, que tem cabelos escuros, estava amordaçada com uma camiseta branca. A polícia recolheu vários anéis, pulseiras e um cachimbo próximo ao cadáver achado na região do Jockey.

Uma mulher disse que a vítima é uma moradora de rua conhecida como “Magazine”. Ela seria usuária de drogas, segundo a testemunha. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), por volta das 13h.

FONTE- METROPOLES

Publicado por

IB TV Notícias

Fique bem Informados com a IB TV Notícias

COMENTE